Conheça a Catarata e entenda o porque ela pode causar a cegueira.

Olá! Durante esse mês, você poderá acompanhar de perto através dessa coluna todas as comorbidades que podem comprometer a sua visão e que se não tratadas a tempo podem até levar a cegueira. Hoje abordaremos a Catarata, uma doença que deve ser levada a sério e precisa ser diagnosticada precocemente. Boa leitura!

O QUE É A CATARATA

A catarata é uma doença que afeta o cristalino do olho. Ele funciona como uma lente intraocular e está relacionado ao foco da visão. A catarata tem como característica a perda da transparência do cristalino.

POR QUE É DIFÍCIL PERCEBER OS SINTOMAS DA CATARATA

Porque a catarata não causa dor, e vai levando aos poucos à perda progressiva da visão. Na maioria dos casos é difícil visualizá-la a olho nu nas fases iniciais, mas em casos avançados é fácil identificar o olho opaco, parecendo esbranquiçado. Existem outros sintomas como:

– Sensibilidade à luz;

– Visão embaçada ou nebulosa;

– Percepção de contornos borrados e disformes, como se a imagem estivesse distorcida;

– Dificuldade para enxergar e perceber imagens;

– Sensação de enxergar a luz brilhando com mais intensidade e com formação de halos ou auréolas;

– Dificuldade para distinguir cores e tons;

– Mudanças no grau dos óculos em curto espaço de tempo.

O QUE CAUSA CATARATA NOS OLHOS

Principalmente a idade avançada, isso porque o cristalino começa a ficar naturalmente mais opaco, com menor flexibilidade e mais espesso. Além da falta de capacidade do corpo de nutrir este órgão com a mesma efetividade da juventude.

Outros motivos podem determinar o seu tipo de catarata e colaborar ou acelerar sua evolução como diabetes, tabagismo, pancadas, uso excessivo de colírios ou corticoides, infecção ocular, exposição excessiva à radiação, infecções, processos inflamatórios, entre outros.

QUAIS OS TIPOS DE CATARATA

A catarata pode ser dividida em senil, congênita, traumática e secundária. É importante consultar o médico oftalmologista para identificar o tipo de catarata e fazer o tratamento mais adequado.

COMO É DIAGNOSTICADA A CATARATA

Através de um exame oftalmológico minucioso associado a uma boa anamnese, no qual o oftalmologista avalia as estruturas internas do olho.

É a melhor maneira de diagnosticar a catarata e definir um plano terapêutico para cada paciente.

A CATARATA TEM TRATAMENTO

A utilização de óculos ou lentes de contato pode melhorar o problema de visão em estágios iniciais. Mas, o único tratamento que pode curar a catarata é a cirurgia para a substituição do cristalino por uma lente artificial intraocular.

COMO PREVENIR A CATARATA

A catarata nem sempre pode ser evitada, mas é possível tomar alguns cuidados para proteger os olhos do envelhecimento natural e, consequentemente, da catarata, ou pelo menos, retardar o surgimento da doença. Não utilizar colírios ou medicamentos indiscriminadamente sem indicação médica, principalmente corticoides; sempre usar óculos de sol com proteção ultravioleta; evitar o tabagismo; controlar adequadamente a diabetes; manter hábitos saudáveis com uma dieta diversificada e rica em vitaminas A, B12, C e E, minerais como cálcio, fósforo e zinco e antioxidantes como ômega 3 presentes em peixes, algas e sementes como chia e linhaça. Mas, a melhor forma de manter a saúde ocular, é diagnosticando precocemente a catarata e prevenindo os possíveis danos dessa doença, através de visitas regulares ao médico oftalmologista.

Mais conteúdos

DIABETES PODE LEVAR A CEGUEIRA

A diabetes é responsável pela maioria dos casos de cegueira em pessoas entre 20...

Conheça a Catarata e entenda o porque ela pode causar a cegueira.

Olá! Durante esse mês, você poderá acompanhar de perto através dessa coluna todas as...

Como o Glaucoma pode causar a cegueira.

Através da lesão do nervo óptico, o responsável por enviar as informações ao cérebro....

Como saber se você tem a síndrome do olho seco.

Se você passa muito tempo no computador, TV ou celular. E depois percebe que...

Conheça as principais doenças que podem causar cegueira

A prevenção desde a mais tenra idade é fundamental para uma boa saúde ocular....